| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Momento UniFIAMFAAM - Semanário Digital
Desde: 06/12/2001      Publicadas: 4183      Atualização: 26/09/2007

Capa |  AGENCIA DE NOTÍCIAS  |  PROFESSORES DO UniFIAM FAAM  |  UniFIAM FAAM DIGITAL


 UniFIAM FAAM DIGITAL

  15/03/2006
  0 comentário(s)


MATO GROSSO APROVA COTA PARA PROFESSOR NEGRO

Depois da polêmica por conta da criação de cotas para estudantes, agora as universidades e o Ministério da Educação começam a discutir a criação de reserva de vagas para professores negros

MATO GROSSO APROVA COTA PARA PROFESSOR NEGRODepois da polêmica por conta da criação de cotas para estudantes, agora as universidades e o Ministério da Educação começam a discutir a criação de reserva de vagas para professores negros. A Unemat (Universidade Estadual de Mato Grosso) aprovou, por maioria, a proposta de destinar 5% das vagas a candidatos que se declararem negros ou pardos no concurso para docente. A medida pode ser estendida, pois o MEC estuda implementá-la nas universidades federais. O Departamento de Políticas da Educação Superior do ministério analisa a viabilidade do tema. Apesar de as instituições terem autonomia, a pasta pode induzir a adoção do sistema. A intenção de implementar cotas para professor foi conseqüência da discussão para adoção da reserva para alunos, bandeira do governo Lula. "Legalmente, não vejo problemas. A questão é saber se as universidades vão querer implementar", afirma o coordenador-geral de legislação e normas da educação superior do MEC, Marilson Santana. Ele ressalta que ainda não há uma definição na pasta.

O tema é polêmico. Apesar da cota para docente ter sido aprovada por unanimidade pelo Conselho Universitário da Unemat, a Procuradoria Geral do Estado de Mato Grosso a considera inconstitucional por ferir o direito de igualdade. Especialistas também se dividem sobre o assunto. Os contrários consideram que devem ser selecionados os melhores, independente da origem. O professor Paulo Alberto dos Santos Vieira, coordenador do Negra (Núcleo de Estudos sobre Educação, Gênero, Raça e Austeridade da Unemat), disse que a proposta começou a ser estudada assim que a universidade criou cotas para alunos.

Segundo ele, uma pesquisa por amostragem constatou que há menos de 7% de alunos negros nas universidades do Estado, sendo que o IBGE aponta que 54% da população local se autodeclara negra. "Se há tão poucos estudantes, imagine o número de professores", avalia. Mesmo com o parecer contrário da Procuradoria, Vieira vai insistir na idéia. "O conselho universitário é o órgão supremo da universidade e aprovou a criação. Vamos provar que é válida".

Almir Arantes, vice-reitor da Unemat e presidente da comissão de concursos públicos, disse que haverá uma reunião na próxima segunda-feira com o conselho universitário e a reitoria para discutir o parecer da Procuradoria. A Unemat tem hoje 277 professores efetivos e cerca de 700 substitutos e temporários. O concurso público vai abrir 427 novas vagas. Atualmente, não há dados oficiais sobre a presença de docentes negros no ensino superior do país. Mas há uma certeza: está muito abaixo da proporção de negros e pardos na sociedade, que chega a quase metade. Na USP, por exemplo, há 5.000 professores. "Não devemos ter nem 50 negros [1%]", afirma João Zanetic, vice-presidente da Adusp (associação de docentes).

O antropólogo Kabengele Munanga, 63, é um deles. Professor da principal universidade do país desde 1980, ele classifica como "invisível" a presença de negros na instituição. "A diminuição das desigualdades precisa de medidas práticas e não só de discurso", diz. No Paraná, uma lei estadual de 2003 reserva aos afrodescendentes 10% das vagas em concursos públicos, inclusive para professor das universidades estaduais. O benefício, porém, ainda não chegou a ser colocado em prática pela Universidade Estadual de Londrina porque o concurso é por área específica. "Para cada cinco vagas abertas, uma é para docente negro", diz Rodne Lima, pró-reitor de Recursos Humanos da UEL.

FONTE: Portal Aprendiz, 09/03/2006

  Autor:   FONTE: Portal Aprendiz, 09/03/2006


  Mais notícias da seção Comunicação Comparada no caderno UniFIAM FAAM DIGITAL
20/09/2007 - Comunicação Comparada - FENAJ DISPONIBILIZA TEXTO ATUALIZADO DO CÓDIGO DE ÉTICA
O Código de Ética dos Jornalistas Brasileiros vigora há 20 anos...
23/08/2007 - Comunicação Comparada - GLOBO CONDENADA A PAGAR R$ 350 MIL A DESEMBARGADOR
Ação foi motivada por reportagens que teriam 'ferido a honra' da família do magistrado...
08/08/2007 - Comunicação Comparada - SÓ HÁ VIOLAÇÃO DA HONRA SE JORNAL DIVULGA NOTÍCIAS FALSAS
Por dentro de legislação em comunicação.... ...
26/06/2007 - Comunicação Comparada - MERCADO DE COMUNICAÇÕES DEVE CRESCER 6,5% AO ANO ATÉ 2011
Até 2009 investimento em publicidade na internet devem ultrapassar gasto na impressão de jornais...
17/06/2007 - Comunicação Comparada - JORNALISMO DE GUERRA
Guerra Fria - CIA - Espionagem - Meios de Comunicação...
23/05/2007 - Comunicação Comparada - NELSON TRAQUINA: JORNALISTAS NÃO LIGAM PARA A TEORIA
"Por que os estudos teóricos contribuem pouco para melhorar o jornalismo? Deve ser porque os jornalistas lêem pouco sobre eles"...
02/05/2007 - Comunicação Comparada - OBSERVATÓRIO DE DIREITO À COMUNICAÇÃO É LANÇADO NA INTERNET
Instância de acompanhamento e fiscalização das políticas públicas e das mobilizações sociais no campo da comunicação, o Observatório é, segundo especialistas, um marco de pionerismo no Brasil que transcende a luta pela democratização da comunicação para estabelecer o paradigma do direito humano à comunicação....
02/05/2007 - Comunicação Comparada - EDITOR TAMBÉM RESPONDE JUDICIALMENTE POR MATÉRIAS OFENSIVAS
Cuidado na hora de assinar o expediente... ...
17/12/2006 - Comunicação Comparada - PESQUISA AFIRMA QUE MÍDIAS DIGITAIS SÃO MAIS POPULARES QUE OUTROS VEÍCULOS
Todos os meios, principalmente o impresso, estão buscando uma adaptação, um novo fôlego....
12/12/2006 - Comunicação Comparada - PESQUISA MOSTRA COMO A PROPAGANDA IMPRESSA E TELEVISIVA INFLUENCIA O CONSUMO DOS BRASILEIROS
No Brasil, as propagandas impressa e televisiva aparecem como principal fator de influência na escolha do presente...
28/11/2006 - Comunicação Comparada - MÉDICOS TEMEM 'GOOGLE-CONSULTÓRIO'
Estudo diz que site permite identificar corretamente doenças, mas há risco de automedicação e diagnóstico errado ...
14/11/2006 - Comunicação Comparada - ABRIL LANÇARÁ REVISTA 100% ESCRITA PELOS LEITORES
Considerado o principal lançamento da empresa nos últimos 10 anos, a publicação terá periodicidade semanal, tiragem inicial de 850 mil exemplares e preço de capa de R$ 1,99. Trata-se do primeiro lançamento da editora no segmento Vida Real...
24/10/2006 - Comunicação Comparada - COMUNICAÇÃO EM SAÚDE
Publicação faz um balanço da produção nacional nesse campo do conhecimento. ...
24/10/2006 - Comunicação Comparada - O JORNALISMO CIENTÍFICO E O COMPROMISSO DAS FONTES
O bom jornalista procura recursos para qualificar a informação...
02/10/2006 - Comunicação Comparada - O FOGO CRUZADO DO JORNALISMO DE CIÊNCIA
Há uma pressuposição de que à imprensa cabe um papel passivo na divulgação científica. ...
28/09/2006 - Comunicação Comparada - REDAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS
Para quem está de olho nos TCCs...
18/09/2006 - Comunicação Comparada - "JORNALISMO GONZO EXIGE PESQUISA PROFUNDA"
Prof. Tognolli inspira discípulos...
31/08/2006 - Comunicação Comparada - A INFLUÊNCIA DAS GRANDES MARCAS NA VIDA DAS PESSOAS
TCC aborda o imaginário das marcas...
09/08/2006 - Comunicação Comparada - COLUNISTA GAÚCHO É CONDENADO POR OFENDER ÍNDIOS
Corrêa é julgado por crime de racismo contra indígenas ...
06/04/2006 - Comunicação Comparada - O FUTURO DA NAÇÃO ESTÁ EM SUAS MÃOS
Escolha de profissão ainda é dilema...
29/03/2006 - Comunicação Comparada - EXIGÊNCIA DO DIPLOMA CONTINUA EM VIGOR
Legislação profissional permanece válida e que os registros de precários não têm mais valor. ...
01/03/2006 - Comunicação Comparada - NOTÍCIA NO SEU CELULAR
Rádio Bandeirantes encontra novo nicho de mercado de informação...
22/02/2006 - Comunicação Comparada - CASO ESCOLA BASE
Desrespeito à ética do jornalismo e ao direito por Rogério Duarte Fernandes dos Passos...
22/12/2005 - Comunicação Comparada - JORNALISMO PÚBLICO: POPULAR OU POPULARESCO ?
Há cunho social no que está sendo escrito?...
22/12/2005 - Comunicação Comparada - JORNALISMO PÚBLICO: O RECEPTOR COMO FONTE
A teoria de David Berlo às avessas...
29/11/2005 - Comunicação Comparada - POR OUTRO LADO...
Brasil segue líder mundial em tempo gasto na Internet ...
02/06/2005 - Comunicação Comparada - ALUNOS E EDITORAS DUELAM POR XEROX DE OBRA
Associações de editores intensificam ações policiais e de conscientização; docentes recomendam cópias parciais ...
09/12/2004 - Comunicação Comparada - VERDADES QUE ACUSAM
Não fazendo muito mais do que a sua profissão manda, bons jornalistas arriscam suas próprias vidas para apurar casos que os envolvem em situações de risco, tudo pelo amor à profissão...
09/12/2004 - Comunicação Comparada - OFICINAS DE ENSINO GARANTEM MELHOR FORMAÇÃO
Alunos que participam saem na frente no mercado de trabalho...
25/11/2004 - Comunicação Comparada - NESTLÉ É A MARCA QUE MAIS RESPEITA O CONSUMIDOR
Empresa foi a mais votada em eleição organizada pela Rádio Bandeirantes ...



Capa |  AGENCIA DE NOTÍCIAS  |  PROFESSORES DO UniFIAM FAAM  |  UniFIAM FAAM DIGITAL
Busca em

  
4183 Notícias