| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Momento UniFIAMFAAM - Semanário Digital
Desde: 06/12/2001      Publicadas: 4182      Atualização: 26/09/2007

Capa |  AGENCIA DE NOTÍCIAS  |  PROFESSORES DO UniFIAM FAAM  |  UniFIAM FAAM DIGITAL


 AGENCIA DE NOTÍCIAS

  01/09/2006
  0 comentário(s)


FGTS PODERÁ SER USADO NO FINANCIAMENTO ESTUDANTIL

Vários outros projetos tramitam na Câmara com o objetivo de ampliar a utilização do FGTS

FGTS PODERÁ SER USADO NO FINANCIAMENTO ESTUDANTIL A Câmara analisa o Projeto de Lei 6961/06, do deputado Beto Albuquerque (PSB-RS), que permite a movimentação da conta vinculada do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para a amortização ou liquidação do saldo devedor do Crédito Educativo e do Fundo de Financiamento ao Estudante de Ensino Superior (Fies). "Nada mais justo que o trabalhador utilize patrimônio pessoal para saldar dívidas de um financiamento que visa a ampliar seu nível de qualificação profissional ou a educação universitária de seus dependentes", disse Albuquerque. Atualmente, o FGTS pode ser utilizado principalmente para financiar a casa própria. Entre outros casos previstos por lei para o saque integral dos recursos estão o tratamento de doenças incuráveis, como câncer e aids, aposentadoria ou quando o trabalhador fica por mais de três anos consecutivos sem registro na Carteira de Trabalho. Depósitos mensais - O FGTS foi instituído pela Lei 5107/66, e esta regulamentada pelo Decreto 59820/66. O fundo é formado por depósitos mensais, efetuados pelas empresas em nome de seus empregados, no valor equivalente a 8% das remunerações. Vários outros projetos tramitam na Câmara com o objetivo de ampliar a utilização do FGTS. Entre eles estão o PL 1552/03, que permite o saque dos recursos para a compra ou reforma de imóveis rurais; o PL 5192/05, que prevê aplicação do FGTS em imóveis arrendados; o PL 2006/03, que admite o uso do dinheiro para abrir microempresas; e o PL 6086/05, que permite o saque integral no caso de doenças incapacitantes. Segundo a Agência Câmara, o projeto, que tramita em regime de prioridade e em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Educação e Cultura; de Trabalho, Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Fonte: Portal Terra Educação, 28/08/2006



  Mais notícias da seção Investimentos no caderno AGENCIA DE NOTÍCIAS
29/11/2005 - Investimentos - FINANCIE A SUA EDUCAÇÃO
Bancos criam linhas de crédito voltadas para cursos de pós-graduação e MBA ...



Capa |  AGENCIA DE NOTÍCIAS  |  PROFESSORES DO UniFIAM FAAM  |  UniFIAM FAAM DIGITAL
Busca em

  
4182 Notícias